quinta-feira, 30 de junho de 2011

Criatura encontrada no Ceará pode ser filho de inseto com humano



Foi divulgado em alguns blogs do interior do Ceará, um fato possivelmente ocorrido no mês de abril deste ano na cidade de Brejo Santo.Em um desses blogs: obomdaboa.blogspot.com e o Nem Ki Lask (O Melhor Portal Virtual e Interativo de Boa Viagem e Regiões)está exposta esta imagem da ´criatura´ com a seguinte notícia:

´Foi encontrada na cidade de Brejo Santo, Ceará, uma criatura que deixou todos os moradores espantados. O ser, que parece uma mistura de humano com algum inseto, foi encontrado no sítio dos pequenos agricultores, Raimundo e Maria Augusta. Ao avistarem a criatura, ligaram para a Polícia Ambiental.O policial que atendeu a ocorrência, Jair Pontes, ficou abismado com o que viu: ´Parecia uma mistura de uma abelha como um humano, sabe?

Não sabia nem o que fazer com aquilo. Resolvi levá-la para a delegacia, e deixar nas mãos do delegado. Não queria ter nada com aquilo.´ O delegado de plantão, Paulo da Silva, alertou o departamento de Paleontologia da Universidade Federal do Ceará.

Em nota oficial, divulgada à imprensa, o reitor da universidade informou o seguinte: ´Não sabemos direito o que este ser é ou representa. Aparentemente é resultado de uma relação sexual entre um humano, e um inseto. Pode parecer constrangedor, mas isto ocorreu no nosso estado.

Vale salientar que a criatura estava com uma temperatura muito elevada, o que nos faz cogitar que estava viva quando foi encontrada.´ Raimundo e Maria Augusta foram procurados para depor sobre o acontecido, mas estão foragidos e seu sítio foi completamente destruído por um incêndio.´

Em contato com autoridades locais, ninguém quiz ou não souberam falar sobre o assunto.
Más será mesmo que esse fato aconteceu? Ou poderia ser uma grande mentira?

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Verdades sobre a Lua



Jose Escamilla apresenta nesse filme o resultado obtido colorindo mais de 250 fotos da Lua tiradas pelo Telescópio Hubble.
O resultado é surpreendente!
É possível indentificar estruturas artificiais, monumentos e OVNIs por toda a superficie lunar.
O filme, através de relatos de ex-militares e documentos, acusam a NASA e NSA por divulgarem centenas de fotos alteradas, alem de informações mentirosas ocultando a verdade sobre as estruturas artificiais na Lua.
A história mais acobertada de todos os tempos!
O documentario é excelente!













terça-feira, 28 de junho de 2011

BRASIL, O PARAÍSO PERDIDO



A partir de meados do ano 1300 e por mais de cinco séculos circularam na Europa boatos a respeito de uma ilha mágica - Brasil, Hi-Brasil, Hy-Brazil, Brasile, etc -, com cidades cobertas de ouro e natureza exuberante, uma espécie de Jardim do Éden ou Xangrilá. Ela apareceu em alguns documentos até 1870.

Vários mapas mostravam situavam a ilha no Atlântico Norte, geralmente próximo à Irlanda. Expedições da França e da Inglaterra partiram em busca desta terra maravilhosa e voltaram de mão vazias. Era crença, na época, que ela surgia apenas de sete em sete anos; outros diziam que ficava oculta dos olhos humanos pela neblina; e poucos achavam que ela simplesmente não existia.

Em 1675, entretanto, o respeitado navegador Capitão John Nisbet relatou que em setembro de 1674, retornando da França para a Irlanda, encontrou acidentalmente a fabulosa Ilha de Hi-Brasil, após atravessar um espesso nevoeiro.

A notícia se espalhou e todos queriam sair em busca da terra paradisíaca, mas logo um certo Mathew Calhoon deu entrada numa petição oficial ao Rei Charles I reclamando a posse da Ilha de Hi-Brasil. Não ficou claro em que bases Mathew pleiteava o território, mas prevaleceu o bom senso e foram assegurados os direitos do verdadeiro descobridor daquela terra, o Capitão Nisbet. Mas isto pouco importou, porque a ilha jamais voltou a ser encontrada.

Várias ilhas "misteriosas" no Oceano Atlântico foram identificadas e hoje são pontos geográficos comuns em nossos mapas, como ocorreu com a mística Saint Bredan, que veremos num artigo em breve. A Ilha de Hi-Brasil, entretanto, não foi localizada. Considera-se hoje que ela nunca existiu ou foi uma formação vulcânica temporária que fumegava e produzia o citado nevoeiro, derramando lava em brasa - daí viria o nome "brasil". Embora especuladores e até algumas seitas queiram vincular esta ilha ao nosso país, cientificamente não existe qualquer relação.

Mapas que mostram a Ilha de Hi-Brasil: Dalorto de 1325, Catalão de 1350, Pizigani de 1367, Canepa de 1489, Gutierrez de 1562, Wagenhaer de 1583, Mercator de 1595, Magini de 1597, Blaeu de 1617 e diversos outros.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Inglês filma supostos óvnis à luz do dia sobrevoando Londres



Uma gravação feita no centro de Londres em plena luz do dia tem intrigado os ingleses. Ela mostra supostos óvnis sobrevoando a capital.
O vídeo foi postado no Youtube na sexta-feira (24). O que aparentam ser pontos de luz aparecem voando em alta velocidade e em grande altitude, em diferentes direções e repetidas vezes. Depois, um objeto maior, também mais claro, parece surgir de trás de uma nuvem e girar no céu antes de sumir.
"Demorou quase uma semana até que eu conseguisse... Mas finalmente consegui filmá-los durante um dia de céu aberto, e até fiz um close. (...) Alguém pode explicar o que poderiam ser essas luzes, por favor?", diz a descrição do vídeo.
Várias outras pessoas aparecem na rua também observando e até filmando os supostos ovnis, que ainda não tiveram sua origem explicada. Os 'óvnis' já tiveram mais de 66 mil "views" na página de vídeos.




Este é um dos  vídeos de UFO mais nítido que já se viu...

domingo, 26 de junho de 2011

Asteróide passará próximo à Terra dia 27 de Junho



O asteróide recém descoberto, 2011 MD, passará a somente 12.000 quilômetros da Terra nesta segunda-feira, dia 27 de junho.

Analistas da NASA dizem que não há chances desta rocha espacial atingir a Terra.  Mesmo assim o encontro é tão próximo que a gravidade do nosso planeta irá alterar profundamente a trajetória do asteróide.

Quanto estiver mais próximo da Terra, o 2011 MD passará durante a luz do dia sobre a parte sul do oceano Atlântico, próximo à costa da Antártica.  À medida que se afastar da Terra, ele irá passar através da zona de satélites geosincronizados.  As chances de colisão com um satélite ou com “lixo espacial” são extremamente baixas, mas possíveis.

Julgando pela luminosidade do asteróide, ele mede de 5 a 20 metros em diâmetro e de acordo com o Programa para Objetos Próximos à Terra da JPL da NASA, espera-se que objetos deste tamanho que se aproximem da Terra, venham a cada 6 anos, em média.

Por um breve momento, o asteróide poderá ficar brilhante o suficiente para ser visto com um telescópio de tamanho médio.

Acesse o site da NASA no seguinte link para ver a órbita do asteróide: /http://ssd.jpl.nasa.gov/

sábado, 25 de junho de 2011

Escrita encontrada em Marte?



Vídeo que mostra rocha com estranhas marcas.

Seriam estas marcas um fenômeno natural, ou seriam elas prova de que há, ou já houve uma presença inteligente naquele planeta.

Veja o vídeo:

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Bebê de dois meses que fala surpreende camponeses na Nicarágua



Um bebê de dois meses deixou seus pais espantados quando começou a falar. Leia aqui a reportagem original no El Nuevo Diario, em espanhol
Um bebê de dois meses deixou seus pais espantados quando, depois de tomar leite, pronunciou as primeiras palavras em uma comunidade camponesa da Nicarágua, revelou a imprensa nesta quarta-feira.
"A primeira palavra que falou foi para mim; disse mamãe", relatou Isabel Mendoza ao El Nuevo Diario.
"As palavras que disse foram mamãe, papai, 'pipe' (menino)", afirmou a mulher.
O pai, Antony Huete, contou que seu filho, que possui o mesmo nome dele, pediu-lhe uma vez "água, água".
A avó materna do menino, Rosa Álvarez, contou que no início não dava crédito a esta história, até que ouviu o bebê dizer "água".
"Pediu água ao pai", relatou.
O caso insólito ocorreu na comunidade de El Palmar, no município costeiro de Tola, departamento de Rivas, perto da fronteira com a Costa Rica.
O jornal afirmou que alguns moradores temem que isto seja um sinal de que o fim do mundo se aproxima.
"Estou um pouco confusa, porque o pastor diz que é normal, mas eu digo que é um sinal do fim dos tempos", afirmou Enriqueta Mendoza, uma das vizinhas do casal.
"É algo inacreditável, assombroso, nunca visto", expressou, por sua vez, José del Carmen Pérez, que afirmou que o bebê se comporta de modo estranho e "olha feio para as pessoas".
"A Bíblia fala que nos últimos tempos veríamos coisas que jamais acreditaríamos", disse o pastor evangélico da aldeia, Saúl Gutiérrez.

quinta-feira, 23 de junho de 2011

OVNIs na Rússia - vídeos secretos vazam no mercado negro com a queda do comunismo



Esse post tem o objetivo de apresentar as melhores imagens de OVNIs já vistas feitas por um governo, de forma que o leitor entenda todo o contexto por trás dessas imagens. Essas imagens são divididas em nove vídeos de um documentário sério sobre o assunto.

Para podermos compreender toda a trama que envolve os OVNIs e a Rússia, temos que entender um pouco da sua história. A Rússia sempre teve algumas características fundamentais:

 - Sempre foi um povo guerreiro, sua origem se deu através de povos vikings;
 - Sempre teve ótimos estudiosos e ciêntistas;
 - Sempre teve um enorme território;
 - Tem uma cultura riquíssima e sempre teve a mente aberta para o diferente;




Guerra Fria
Logo após os aliados (Estados Unidos, União Soviética, Inglaterra e etc) terem derrotados o 'eixo do mal' (Alemanha, Japão e etc.) na segunda guerra mundial, começou uma guerra ideológica e econômica entre os Estados Unidos e a então União Soviética. De uma lado havia o sistema  chamado capitalismo e de outro o sistema chamado comunismo. O mundo era dividido entre as duas grandes potências, que logo começaram a produzir misseís nucleares em massa, o que gerou o momento mais perigoso da história da Terra.

Corrida Espacial
Ao final da segunda guerra mundial, tanto os Estados Unidos quanto a União Soviética levaram para seus respectivos governos vários ciêntistas alemães (na época eram os melhores do mundo na engenharia de foguetes). Porém a Rússia saiu na frente em seu programa espacial. Entre suas conquistas estavam:


 - O lançamento do primeiro satélite articial do mundo em 1957, o Sputnik. Hoje existem tantos satélites militares, comerciais e ciêntificos que chega a ser um problema devido a geração de lixo espacial que eles  geram;
 - O lançamento do primeiro ser vivo no espaço, a cachorrinha Laika, também em 1957;
 - Em 1961 o país lançou o primeiro homem no espaço, Yuri Gagarin. É dele a frase "A Terra é azul". Até então ninguém sabia a cor do nosso planeta;
 - Em 1986 a Rússia começou a construir o que seria a primeira estação espacial, a MIR.

A Rússia e os OVINs

OVNI significa Objeto Voador Não Identificado. Com a guerra fria, a União Soviética mantinha forte vigilância sobre seu espaço aéreo para evitar os aviões espiões americanos ou mesmo um ataque do inimigo capitalista. Porém em muitos casos o que eles capitaram foram OVNIs de origem desconhecida, mas que com certeza não eram americanos.

Documentos secretos

Com o colapso do sistema comunista a União Soviética literalmente se desmanchou, países buscaram sua independência, o fluxo de dinheiro para o Exército Russo e para a Agência de Inteligência KGB havia acabado e iniciou-se a maior 'feira' de armas e arquivos secretos no mercado negro como nunca fora visto na história da civilização moderna. O sucesso de Holyhood 'O senhor das Armas' estrelado por Nicolas Cage apresenta de maneira inteligente esse cenário caótico.

Arquivos sobre armas secretas, espionagem indústrial, avanços médicos, petróleo entre outros eram vendidos a peso de ouro por ex-agendas da KGB e do Exército Russo a outros governos e para a imprensa mundial. Entre esses arquivos estão os referentes aos OVNIs.

O Documentário


O documentário a seguir é apresentado pelo astro americano de 007, Roger Moore e foi baseado em vários desses arquivos. Entre eles estão:

 - Vídeos de jatos russos abatidos por OVNIs;
 - Operação Sverdlovsk Midget de 1969 - o registro em vídeo (colorido e com boa qualidade) de um OVNI caído em território russo;
 - Dissecação do ser encontrado no OVNI;
 - Documentos secretos sobre a operação;
 - Engenharia reversa das tecnologias OVNI.

O documentário intrigante é considerado a melhor fonte de informações pelos ufólogos de todo o mundo e se divide em nove partes:

















quarta-feira, 22 de junho de 2011

Relógios digitais na Sicília andam misteriosamente para trás



Na última semana ocorreu um fenômeno "misterioso" na Sicília (Itália). Vários relógios digitais passaram a andar para trás na ilha. Muitos deles voltaram 15 minutos no tempo, segundo o jornal "La Repubblica".

As explicações variaram desde interferência alienígena, passando por poltergeist, atividade do vulcão Etna até explosões solares. A explicação mais plausível: problemas elétricos causados por cabos subterrâneos.
Os relógios andam para trás fazendo as pessoas se atrasarem para o colégio e trabalho. Algumas pessoas até perderam voos de avião por causa da mudança no relógio.

O fenômeno só acontece em relógios ligados a alguma tomada.

Não entendi porque, mas eles suspeitam de um poltergeist. A possibilidade de ser um fenomeno extraterrestre é mais plausível. Sempre se tem relatos de relógios que param ou andam para trás quando alguém tem um contato com um UFO, mesmo de 1º Grau (Ver um disco voador).

Cientificamente eles acreditam mais na hipótese dos cabos que estão sendo modificados por um submarino na região.

terça-feira, 21 de junho de 2011

JORNALISTA FOTOGRAFA OVNI NA ARGENTINA



O jornalista argentino Néstor Sánchez fotografou um objeto voador não identificado a 180 km da cidade de Salta, no último dia 1º de junho. Calcula-se que, no momento da imagem, o objeto estivesse a 3.200 metros do chão.
Mas a foto não foi intencional. Sanchez viajava com um grupo de pessoas pela rodovia Ruta Nacional 51, em direção ao Chile, enquanto fotografava a paisagem com sua Nikon D90.
O objeto passou tão rápido que o jornalista só percebeu que havia registrado algo estranho quando viu as imagens mais tarde.
Primeiramente, ele acreditou ser um avião da Força Aérea do Chile, que costuma sobrevoar aquela área.
“Mas não era: o objeto é circular, sólido, de aparência metálica e, embaixo do seu corpo central, existem dois núcleos diferentes menores. Realmente impressionante.”, conta Sanchez, que se dizia cético sobre o assunto antes de capturar a foto.

 E ainda na Argentina :


Foto de OVNI na Argentina permanece um mistério


O jornal eletrônico argentino BWN Patagônia relatou que um de seus leitores lhes enviou uma foto há alguns anos, durante uma partida de rugby, onde um OVNI foi registrado. Apesar de já ter passado algum tempo, nos parece ser um fato interessante o suficiente para publicarmos aqui.

A princípio, o jornal alega não ter dado importância, pois recebem muito material deste tipo e a maioria é comprovadamente falso.  Porém, após examinarem a foto com o auxílio de peritos, descobriram que a foto não aparente nenhum truque.

A foto, que foi tirada na região de Mallin Ahogado e Loma del Medio, foi analisada por um perito de nome Aarjem De Maesschaleck, cuja especialidade é fotografia.  Por acaso esta pessoa estava visitando a zona de El Bolson.  Este turista reside na Bélgica e confiram que após análise digital, imagem é real e “uma boa evidência, similar às outras oficialmente catalogadas“.

De acordo com a publicação, nos últimos meses tem havido uma verdadeira onda de informações similares, as quais são publicadas em diversas partes do mundo e a primeira coisa que uma pessoa racional faz é descartar a idéia de que possa ser algo de outro mundo.

A foto em questão foi obtida no dia 21 de março de 2009, às 16h24min, com uma câmera Sony DSC-W50.

Veja a foto:


Clique para ampliar .

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Lâmpada misteriosa está acesa há 110 anos nos EUA



A lâmpada famosa e misteriosa tem até um comitê formado em seu centenário. O presidente é o chefe de divisão dos bombeiros aposentado, Lynn Owens.

"Ninguém sabe como é possível uma lâmpada funcionar por tanto tempo", disse Owens.

Ele acrescenta que a corrente baixa que alimenta a lâmpada de 60 watts pode ter prolongado sua vida, mas ninguém descobriu porque ela continua brilhando. E Owens afirma que cientistas de todos os Estados Unidos já foram ver a lâmpada.

A lâmpada entrou para o livro Guinness World Record e já virou atração turística de Livermore.

"A lâmpada foi criada por um inventor chamado Adolphe Chaillet, que foi convidado pelo governo do Estado de Ohio para fundar uma fábrica de lâmpadas no século dezenove. Ele aceitou o convite e criou uma lâmpada especial", um presente para os bombeiros, afirmou Steve Bunn, que faz parte do comitê do centenário.

Bunn disse que, no começo pensou que a lâmpada centenária era um objeto comum, mas depois descobriu que ela custou muito mais do que as outras e sua fabricação, à mão, deu muito mais trabalho.

E a lâmpada famosa já demonstra isto na aparência de seus filamentos.

"A primeira coisa que fiz quando olhei para cima foi notar que o filamento escrevia a palavra 'no' (não, em inglês). Mas, então, olhei de outro jeito e vi que de fato ela dizia 'on', (ligada em inglês)", conta Steve Bunn.

Os 110 anos da lâmpada dos bombeiros de Livermore são comemorados em junho.

domingo, 19 de junho de 2011

Miragem sobre um rio na China



O alegado evento ocorreu em uma cidade do leste da China, [possivelmente] na quinta-feria passada, dia 16 de junho de 2011, quando após uma forte chuva uma ‘miragem’ de prédios, casas e árvores apareceu sobre o rio local.

O fenômeno teria acontecido aproximadamente às 17h00, horário local, e os habitantes da cidade dizem que outros avistamentos similares já teriam ocorrido no passado. Contudo, e acordo com eles, este foi o mais impressionante já exibido.

Seria este vídeo mais uma peça pregada na Internet, ou teria ele sido real?

sábado, 18 de junho de 2011

terça-feira, 14 de junho de 2011

Agente da CIA declara que realmente há discos voadores mantidos secretos na Área 51



Depois das primeiras declarações de Bob lazar,vários ex-agentes de espionagem dos EUA - principalmente da CIA - começaram a contar tudo o que sabiam sobe os UFOs em reclusos em Groom Lake


       Na edição n°291 de julho de 1992 do periódico especializado MUFON UFO journal , o reporter e advogado Adreiw D. basiago escreveu um artigo intitulado Dreamland e a cia, com informações que elucidam  certas ideias sobre a área 51,basiado informa sobre as confidencias que um ex-consultor da companhia LOCKHEED e também ex-gente da CIA fizera com relação à área da base NELLÍS - conhecida como dreamland ou àrea 51.O artigo revela que o setor estaria associado à CIA  e que desenvolvia  avançados estudos sobre UFOs.
      Esta matéria do journal,na realidade,só veio confirmar as acusações que os ufologos já vinham fazendo há muito tempo: o governo norte-americano estava ( ainda esta) envolvido num programa ativo para dirigir naves extraterrestres capturadas ou intercambiadas para á Àrea 51.O principal motivo dessas pesquisas seria a infestigação e desenvolvimento de sistemas de vôo e propulsão simulares aos extraterrestres.Se a Àrea 51 foi realmente comissionda para servir como laboratórios ufológico, esta é a maior evidência de que o governo dos EUA esta envolvido em uma grande conspiração. O grande paradoxo de tudo isso é que, por um lado, esta conspiração nega a existência dos   UFOs , enquanto por outro, investiga sua fabricação  e funcionamento.
     As revelações feitas por Robert lazar em 1989, No que concerne aos discos voadores testados na Àrea 51, form considerados verdadeiras pela maioria da comunidade  ufológica. Porém,faltou um eixo  de ligação entre a Àrea 51 e as agências com FBI,CIA, Agência de inteligência da defesa, Agência de Segurança Nacional etc. De acordo com os documentos liberados pelo governo graças á Ala  de liberdade de informações Pública dos EUA, estas Agências demonstraram um grande interesse pelo UFOs.
     Marion Leo Williams, um membro da comunidade de inteligência norte- americano, fez declarações bombásticas que confirmam a existência da Àrea  chamada Dramland Williams faleceu em 1989, Mas sua istória revela importantes detalhes sobre a ligação entre a CIA  e a Àrea 51, principalmente sobre os estudos ufológicos lá realizados. O agente fez suas primeiras declarações sobre o ocultamento do governo a respeito das visitas extraterrestres à ferra a um parente, em 1976, Já em 1981, anos antes das declarações feitas por lazar,o físico Stanton Friedman , William Moore e outros, compartilham a segredo com o repórter Basiago.
     Antes de morrer,em 1989,William explicou os detalhes de sua carreira no setores segreto da Inteligência norte- americana.trabalhou como operador de inteligência do governo e mais tarde como consultor da companhia Lockheed, que visitava freqüentemente a area ultra segreta de investigação ufologica da Àrea 51.

Fonte: Nova Era da Ufologia

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Discovery Channel estreia a série ''Portas para o Além''



Relatos de fenômenos paranormais e da suposta interferência de entidades sobrenaturais na rotina das pessoas são comuns e já foram incorporados à cultura local em vários países. Entretanto, pouco se sabe sobre a veracidade dessas narrativas, que podem não passar de imaginação.

O Discovery Channel procura encontrar respostas para os casos de experiências sobrenaturais contados por famílias que vivem em países da América Latina, entre elas uma brasileira, com a estreia da produção original "Portas para o além", na quarta-feira, 8 de junho, às 22h.

"Portas para o além" traz, em oito episódios, depoimentos dos protagonistas, acompanhados de comentários de especialistas em fenômenos paranormais, que juntos criam análises sobre as vivências narradas por essas pessoas. Por meio de dramatizações, a série reconstitui as supostas batalhas travadas por humanos que teriam sido vítimas dessas estranhas presenças. Os relatos desafiam a incredulidade dos céticos e transportam os telespectadores para uma dimensão desconhecida, onde os limites da vida e da morte se confundem.

Entre as histórias contadas na série está a da brasileira Regina, que alega ser perseguida e atacada por uma entidade que se manifesta em uma sombra. Para libertá-se, ela busca a ajuda de um padre. Há também a história da família Triana, que mudou-se para um bairro numa área bonita da cidade de Bogotá sem saber que a decisão marcaria o começo daquele que, segundo eles, é o mais terrível dos pesadelos: haveria uma porta de entrada para o Além em sua própria casa. O mesmo aconteceu com uma família no Peru, que descobriu que sua nova residência seria um campo de batalha onde dois espíritos do mal duelavam, e com um casal de Buenos Aires que alega ter de enfrentar o ódio de uma entidade maligna de grande poder destrutivo.

Seguem abaixo um resumo dos relatos que são investigados na série, por ordem de episódios.

Episódio 1 (Colômbia)
Estréia: quarta-feira, 8 de junho, às 22h
Ruth Triana, sua irmã, Mildreth, e seu cunhado, Álvaro, alugam um apartamento em um bairro valorizado de Bogotá, mas logo começam a notar fenômenos estranhos. Quando Maria, empregada da casa, é supostamente possuída por um espírito do mal, Ruth inicia sua luta.

Episódio 2 (Argentina)
Estréia: quarta-feira, 15 de junho, às 22h
Roberto Ávila e seus filhos contam que foram surpreendidos pela aparição do espírito de um velho. Pouco a pouco, a harmonia do lar se transforma em um clima de medo, até que Roberto desvenda a história de seu avô.

Episódio 3 (Colômbia)
Estréia: quarta-feira, 22 de junho, às 22h
Héctor Contreras e Daniel Trespalacios, apresentadores de um programa de rádio de sucesso em Bogotá, ficam inquietos quando a voz de uma entidade infantil aparece repetidas vezes na transmissão do programa, ao vivo.

Episódio 4 (Argentina)
Estréia: quarta-feira, 29 de junho, às 22h
Estela Maris e seu marido Carlos encontram a casa ideal no bairro de Villa Pueyrredón, em Buenos Aires. Estela percebe uma energia negativa na casa, mas Carlos insiste em morar ali. Poucos dia depois, Estela e os filhos são vítimas de pesadelos e acontecimentos estranhos, como se alguém os quisesse expulsar da propriedade.

Episódio 5 (Peru)
Estréia: quarta-feira, 6 de julho, às 22h
Fanny Rey e suas duas filhas mudam-se para uma nova casa no bairro de Chorrillos, em Lima. Ágata, a filha mais nova, começa a ter uma série de pesadelos cada vez mais reais. Fenômenos paranormais começam a acontecer a afetar a todos, até que a família descobre e existência de espíritos com sede de vingança.

Episódio 6 (México)
Estréia: quarta-feira, 13 de julho, às 22h
Lola Ruiz e seu marido Eusébio compram uma casa em um bairro agradável de Guadalajara. Anos depois, eles começam a presenciar fenômenos inquietantes. Seu filho se recusa a dormir na casa, onde há um closet de madeira que parece guardar algo de ruim. Lola pede ajuda a uma especialista em assuntos paranormais, que descobre que um espírito se esconde ali.

Episódio 7 (Brasil)
Estréia: quarta-feira, 20 de julho, às 22h
Uma sombra passa a acompanhar Regina enquanto ela cuida do filho no hospital. Quando o menino morre, a sombra passa a atacá-la, até tomar conta de seu corpo. O padre que quis libertá-la teve de lutar contra a entidade do mal.

Episódio 8 (México)
Estréia: quarta-feira, 27 de julho, às 22h
A família Partida muda-se para uma casa no bairro de Mirador del Sol, em Jalisco. A vida é tranquila, apesar dos olhares de estranhamento que recebem da vizinhança. Mas, em pouco tempo, a filha mais velha, Martha, começa a perceber a presença do espírito de uma menina, que passa a atormentar a família toda.

Veja mais no site da Discovery:
http://www.discoverybrasil.com/web/portasparaoalem

domingo, 12 de junho de 2011

O Museu do diabo na Lituânia



Escondido da vista de todos, na obscura cidade de Kaunas, Lituânia, o MK Ciurlionis Velniu Muziejus ou Museu do Diabo é um segredo muito bem guardado. Existe algo de enervante em vagar pelos seus corredores sendo observado por mais de 3000 peças remetendo ao diabo...

O Velniu Muziejus fica em um prédio de três andares com cada aposento recoberto pela surpreendente coleção de estátuas de todos os tamanhos, formas, cores e materiais, vindas de todas as partes do mundo. O museu tem uma velha tradição: os visitantes estrangeiros podem trazer peças de seus países para acrescentar à coleção. Com isso o acervo continua crescendo com representações demoníacas de todos os continentes e mais de 80 países.

Não é de se espantar que o terceiro andar inteiro seja dedicado à obras provenientes das antigas nações que formavam a União Soviética. Virtualmente cada país e subcultura da Armênia até Yakult está representado. As estátuas originárias das nações eslavas (como Polônia e Ucrânia) parecem compartilhar de um tema comum, a proximidade do diabo da humanidade e sua luta para nos conquistar e perverter. Algumas destas obras são especialmente medonhas como uma pintura do século XVIII que mostra o diabo carregando uma criança nas suas costas e a família em desespero.

O diabo tem um importante papel no folclore eslavo: camponeses russos se mantinham em perpétuo estado de guarda contra suas maquinações. Usavam rosários e crucifixos o dia inteiro e quando eram obrigados a ficar sozinhos rezavam para manter o diabo longe. O lugar mais perigoso segundo a tradição camponesa era a banya, as casas de banho, onde as pessoas removiam suas roupas - e as proteções. Há uma quantidade desconcertante de obras versando sobre os horrores ocultos em casas de banho. Estórias sobre demônios cozinhando e escaldando camponeses em grandes tanques ou candeirões. Diante dessas imagens não é de se espantar que muitos tivessem aversão ao banho.


Os demônios em geral são quase sempre do sexo masculino, e aparecem em uma notável variedade de estilos e aspectos. Alguns tem uma forma bestial com chifres recurvos, rabos pontudos e aparência assustadora. Nas mãos carregam tridentes, espadas, tochas e chicotes. São retratados como monstros, mas nem sempre essa aparência assustadora está presente. Obras mais antigas apresentam demônios humanizados que ocultam sua verdadeira face para tentar as pessoas. Muitas vezes eles assumem a forma de forasteiros, mercadores e estrangeiros que visitam os vilarejos para tentar os aldeões. Em um painel do século XVII, um forasteiro observa com olhos de cobiça um vilarejo, a sombra projetada pelo sol da tarde às suas costas é de uma besta chifruda. Na parte de baixo está escrito: "Cuidado com os forasteiros que oferecem promessas e partem com as almas dos fracos".

A maior parte da coleção é composta de estátuas esculpidas em pedra, argila e madeira e de telas e tecidos pintados. Ela também inclui objetos do dia a dia: cachimbos, cinzeiros, talheres, instrumentos musicais, quebra nozes, armas e louça. Há um grande espaço para manuscritos, livros e documentos antigos guardados atrás de vidros. Alguns destes livros são bastante antigos e versam sobre o demônio, um dos temas mais recorrentes na literatura medieval. Chama a atenção uma armadura cheia de espinhos forjada no século XIV. Ela era usada por um nobre armênio que chamava a si mesmo de "Filho de Satã" e que a usava no campo de batalha para assustar seus inimigos.

Uma escadaria de madeira com entalhes macabros leva ao segundo andar onde estão expostas as contribuições dos visitantes. Peças do México, Japão, Nepal, Austrália e Cuba, apenas para citar alguns países, estão dispostas em prateleiras e displays. Algumas são cômicas ou não passam de caricaturas, outras são obras rústicas, até mesmo grosseiras com acabamento cru e soturno. Se o objetivo delas é chocar, elas cumprem seu propósito.

O primeiro andar oferece uma exposição de máscaras lituanas de madeira e estátuas. Esta visão especificamente dedicada a Lituânia mostra o arquétipo do demônio clássico combatendo e sendo combatido por pessoas. Ocasionalmente as representações são pavorosas e violentas, mas em outras o diabo aparece bebendo com os homens em uma taverna como se todos fossem bons amigos. Elas oferecem uma visão mais profunda do tradicional papel do diabo nas sociedades rurais.

O museu abriu suas portas em 1966 ainda durante o regime comunista, seu idealizador o pintos Antanas Zmuidzinavicius (1876-1966), era fascinado pela demonologia e ocultismo, e usava o tema em suas obras. Ele obsessivamente colecionou os itens burlando as leis soviéticas, que proibiam qualquer artefato relacionado a religião. Uma coleção com itens lituanos poderia ser considerada como anti-soviética e pior anti-comunista. Zmuidzinavicius poderia ser mandado para a Sibéria se a sua coleção fosse encontrada. Ele reuniu 260 itens, inclusive uma pintura que representa Hitler e Stalin como demônios lutando em um campo de batalha repleto de crânios.

Após a morte de Stalin, Zmuidzinavicius doou sua coleção inteira para o Estado e morreu no mesmo ano. Sem herdeiros, o governo resolveu transformar a casa do artista em um museu para acomodar a coleção. Graças a generosas doações internacionais, a coleção continuou a crescer e a casa teve de ser aumentada para comportar todo o acervo.

Os lituanos tem orgulho de sua herança pagã, a atual Lituânia se encontra em uma das últimas regiões a abandonar as tradições pagãs na Europa. De fato, certas práticas continuaram ativas em areas rurais até meados do século XIX. Os povos do Leste europeu tem uma visão distinta do que representa o diabo. Ele é parte do mundo natural, e de certa forma a personificação das forças caóticas da própria natureza.

Nos tempos em que os costumes pagãos estavam no auge, o diabo tinha a mesma importância dos deuses e era aceito pelas pessoas como uma parte normal da vida; apenas com o advento do cristianismo é que o demônio lituânio passou a ser temido e bem... demonizado.

O curador do museu Arunas Androptis acredita que a maioria das obras estão mais para curiosas do que para sinistras. Ele afirma que nunca tiveram a incômoda visita de satanistas ou coisa do gênero e tampouco houve reclamações a respeito da existência do museu.

Uma história curiosa contada pelo diretor do museu envolve um grupo de padres poloneses que estavam visitando a cidade e se depararam com o museu. Os religiosos ficaram relutantes de entrar, temendo se contaminar pela aura "diabólica" do lugar, mas eventualmente criaram coragem e decidiram entrar para olhar seu inimigo olho no olho. Eles acharam a coleção tão interessante que acabaram no bar do Museu (que fica no porão) debatendo a origem de algumas peças entre uma dose e outra de vodka. Posteriormente os mesmos religiosos doaram uma estátua medieval que estava em poder de seu monastéria há séculos. O cartão que acompanhava a peça era bem humorado: "Acreditamos sinceramente que isto ficará melhor com vocês do que conosco".

O Museu atrai todos os tipos de pessoas, de todas as idades, credos e interesses pela curiosidade e pela proposta de ser algo diferente para aqueles que querem conhecer um pouco de história e sentir aquele velho cheiro de enxofre.

terça-feira, 7 de junho de 2011

UFO/OVNI filmado em Oakland - Califórnia



Um homem diz ter filmado supostos óvnis na semana passada nos céus de Oakland, no estado da Califórnia (EUA). Primeiro, o autor do vídeo filma um avião, mas, em seguida, ele se concentra em luzes luminosas que se movimentam em um formato triangular. O video foi noticia site britânico "News Lite".

sábado, 4 de junho de 2011

OVNIs observando um tornado



Seriam estes objetos OVNIs observando o tornado à distância, ou meramente luzes na paisagem de fundo?

Certamente não parecem ser objetos lançados pelo tornado, pois estão muito distantes.

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Aracnofobia



Aracnofobia é o medo (ou fobia) de aracnídeos. É a mais comum das fobias, e possivelmente a fobia de animais mais extensa. As reações dos aracnofóbicos parecem freqüentemente bem irracional às pessoas, e ao próprio afetado mesmo. Tentam permanecer o longe de todo o local onde pensam de que habitam aranhas, ou onde observaram Aracnídeos. Se virem uma aranha perto de algum lugar onde vão entrar, evitam entrar nesse lugar, mesmo que a distância entre o local e onde está a aranha seja grande, ou ao menos terão antes, que fazer um esforço para controlar seu medo, que está caracterizado na respiração rápida, por taquicardia e por náuseas.
O medo às aranhas pode determinar o lugar onde o fóbico decide viver, ou o local a que irá nas férias, e limitar os esportes ou passatempos que deseja apreciar. Como a maioria dos fobias, o aracnofobico pode ser curado com tratamento psicológico. A forma habitual é usar os métodos que expõem gradualmente o fóbico ao animal que lhe dá medo, mas também existe um sistema de choques em que que a exposição é de grande intensidade, e se realiza subitamente.



Origem do Medo

Como um animal tão pequeno pode despertar um medo tão grande? Esse é um mistério ainda para muitos psicólogos. Porém, existem hipóteses satisfatórias. Existe o lado biológico, em que o medo às aranhas seria uma vantagem evolutiva para a sobrevivência e, consequentemente, a perpetuação da espécie.
Mas ao que tudo indica a explicação é cultural. O medo existe sobretudo na mente ocidental. O pesquisador Geoffrey Isbister afirma sobre o assunto: "muitas culturas referênciam aranhas ou vêem-nas como símbolos de boa sorte".
Isbister ainda diz que o motivo para a fobia pode se encontrar em raízes históricas, como a história do Tarantismo, doença surgida na cidade de Taranto (Itália) que teria ameaçado a Europa entre os séculos XV e XVII. Como explica Aline Gatto Boueri:
Aranhas da espécie Lycosa tarantula foram acusadas de causar esse mal cujos sintomas eram suor, tremor, insônia, dor, rigidez corporal e fraqueza. Curiosamente, acreditava-se que, para curar-se, o doente deveria dançar freneticamente durante quatro dias. Enquanto em alguns lugares a doença acabou associada à loucura por conta disso, em outros se tornou um pretexto para orgias ou festivais de dança, o que deu origem à famosa tarantela.



Cinema

A aracnofobia foi representada no cinema pelo filme de suspense Arachnophobia do diretor Frank Marshall. O filme conta a história da família de um médico que decide se mudar para o interior, sendo que em sua casa começam a surgir aranhas e mortes começam a acontecer. O médico, Dr. Ross, era aracnofóbico. O que se passa na cidade pode ser a solução para ele acabar com o medo que o persegue desde a infância.
O filme foi a estréia de Frank Marshall como diretor. As aranhas utilizadas no filme vieram da Nova Zelândia e eram inofensivas aos atores. O filme estreou nas bilheterias em 1990.
E em Harry Potter, o personagem Ronald Weasley também tem aracnofobia.
No seriado Friends, o personagem Ross Geller tem aracnofobia.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

A Lua pode ter a mesma proporção de água que a Terra



Um grupo de cientistas anunciou recentemente que abaixo da superfície da Lua pode haver tanta água quanto na Terra.  Esta revelação poderá mudar tudo que conhecemos a respeito da Lua, bem como abrir o cominho para colônias humanas naquele satélite nos próximos vinte anos.

Os pesquisadores usaram uma sonda especial de íon para analisar amostras de vidro vulcânico que foram trazidas à Terra pela tripulação da Apollo 17.  Água e outros elementos das profundidades do solo lunar permanecem intactas neste vidro, e permitiu aos cientistas determinarem os níveis prováveis de água no manto lunar.  Esses níveis foram 100 vezes mais altos do que os encontrados em estudos anteriores.

Se este estudo estiver certo, a Lua teria tanta água quando a Terra, proporcionalmente.  Ou seja, não teria o mesmo volume total de água da Terra, mas o mesmo volume que a Terra teria em seu manto, se fosse do mesmo tamanho da Lua.

Em uma de suas declarações, o geólogo James Van Orman, da Case Western Reserve University disse: “Contrastando com a maioria dos depósitos vulcânicos, as inclusões derretidas estão envolvidas em cristais que previnem a água e outros elementos voláteis de escapem durante a erupção.  Estas amostras fornecem a melhor janela que temos para calcular a quantidade de água no interior da Lua.”

O professor Alerto Saal, outro geólogo que trabalhou neste estudo, adicionou: “No final das contas, é que em 2008 dissemos que o conteúdo primitivo de água no magma lunar poderia ser similar ao conteúdo existente na lava do manto superior da Terra.  Agora, provamos que este realmente é o caso.”

A equipe de cientistas afirma que estes elementos voláteis são muito similares aos basaltos encontrados nas cadeias dos oceanos terrestres, e indicam que alguma parte do interior da Lua contém tanta água quanto o manto superior da Terra.

Em outras palavras, estamos vendo algo que parece ser muito similar ao que esperaríamos na Terra — pelo menos com este pedaço de vidro vulcânico.  Isto pode mudar nossa compreensão de como a Lua foi formada.  Geralmente, acredita-se que a Lua originou-se de um pedaço da Terra que se quebrou quando um corpo celeste do tamanho de Marte atingiu nosso planeta.  Mas um impacto não deixaria tanta água para trás.  É possível que a Lua tenha sido formada desta forma?  Isto é um assunto para mais pesquisas, mas a equipe de cientistas aponta duas possibilidades: 1. Em algum ponto a Terra e a Lua podem ter compartilhado o mesmo ‘envelope atmosférico’; ou 2. A amostra que a equipe analisou pode ser aberrante e não indicativa do manto por toda a Lua.

Estas descobertas também reafirmam as descobertas recentes de depósitos de gelo que sondas encontraram nas sombras das crateras lunares.  Até agora, os cientistas acreditavam que a água lunar veio de meteoros que atingiram a lua, deixando sua água para trás.  Agora, parece que esta água provavelmente é originária do próprio manto da Lua e foi trazida até a superfície pelas erupções vulcânicas.

Se o manto lunar realmente for rico em água, esta descoberta sugere que possamos ter uma melhor chance de gerar água e oxigênio na superfície da Lua para nossos habitantes.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Mulher filma o que acredita ser Pé Grande em floresta nos EUA



Uma mulher identificada apenas como Samantha captou imagens do que parece ser um Pé Grande andando pelo Downriver Park em Spokane, no estado de Washington, informa a edição inglesa do jornal “Metro”.

No vídeo, que foi publicado no YouTube , o que parece ser uma criatura grande e peluda aparece à distância correndo pela floresta.

É impossível dizer exatamente o que a imagem mostra, mas Samantha está convencida de que se tratava de um Pé Grande.

“Alguém me perguntou nos comentários se eu acreditava em Pés Grandes antes do vídeo. Eu nunca dei muita importância para isso, mas agora não estou tão certa. Pareceu real demais para mim”, disse a americana ao site KXLY.

Outros comentários postados no site não tem a mesma certeza de Samantha. “Eles pediram a um amigo para passar vestido de gorila”, diz um dele